Os principais cuidados e o que evitar na higiene bucal do bebê

De acordo com o site Mouth Healthy, da Associação Dentária Americana (ADA), embora bebês e crianças possuam dentes de leite, os mesmos ainda estão suscetíveis a cáries e infecções, além de bactérias que possam ser transmitidas pelos próprios pais. Portanto, é preciso estar atento às informações corretas e, se necessário, buscar auxílio médico especializado.

A saúde bucal do bebê é um espelho dos pais

A higiene bucal dos pais é muito mais importante do que se imagina no trato da saúde bucal do bebê. Isso porque, as bactérias que provocam doenças, chamadas “streptococcus mutans” podem ser transmitidas dos pais para a criança, de acordo com a Academia Americana de Pediatria e, consequentemente, podem causar cáries.

Maus hábitos alimentares contribuem com a produção de bactérias e o risco de transmissão ao bebê, por isso é importante que os pais também cuidem dos seus próprios hábitos alimentares e da própria saúde bucal.

(Imagens: Google)

Os principais cuidados para cada estágio do seu bebê

Agende uma consulta ao dentista no segundo trimestre da gestação

Realizar limpezas e outros cuidados básicos são práticas seguras para o bebê, além de ajudarem a reduzir os riscos de transmissão de infecções e bactérias.

Antes de completar 1 aninho, agende uma consulta para seu bebê

De acordo com a Associação Brasileira de Odontopediatria, é recomendado realizar o primeiro exame bucal no seu bebê antes de completar um aninho ou quando o primeiro dente nascer. A primeira visita tem por objetivo:

  • Avaliar riscos: de acordo com os exames iniciais, o pediatra verificará se deverão ser tomadas etapas adicionais;
  • Educação: Nos primeiros cinco anos do seu filho, recomenda-se visitas de rotina a cada 6 meses;
  • Referências: Nas primeiras consultas você consegue optar pelo profissional que poderá prestar um atendimento regular ao seus pequenos ao longo dos anos.

Limpe as gengivas de seu bebê no mínimo duas vezes por dia durante o primeiro ano

Durante a manhã e à noite, e após as amamentações, limpe a gengiva do bebê para prevenir o aparecimento de bactérias e acúmulo de comida. A melhor técnica é enrolar seu dedo indicador em uma gaze limpa e úmida, e gentilmente limpar as gengivas de seu bebê.

Higienize os primeiros dentinhos com produtos específicos
Quando os primeiros dentinhos do seu bebê começarem a nascer, utilize creme dental e escovas próprias para higienizá-los. Procure por escovas de cerdas macias e de fácil aderência nas mãos para bebês e crianças de até dois anos de idade.

O que é preciso evitar durante os primeiros anos?

Atente-se ao uso do flúor. Consulte um dentista ou pediatra para mais informações sobre o uso do flúor. Além disso, evite que seu bebê caia no sono durante a amamentação ou com a mamadeira na boca, já que isso auxilia na minimização do desenvolvimento de bactérias.

É importante evitar também que seu bebê compartilhe de copos e canudos. Tenha sempre uma dessas peças higienizadas à mão. Mas lembre-se: a melhor maneira de obter informações precisas para a saúde bucal dos seus pequenos é consultando um especialista na área.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *